Investidor qualificado: saiba o que √© as certifica√ß√Ķes exigidas

Quer se tornar um investidor qualificado? Veja as habilidades, certifica√ß√Ķes e conhecimentos cobrados sobre o mercado financeiro

O termo investidor qualificado foi institu√≠do pela Comiss√£o de Valores Mobili√°rios para indicar o usu√°rio que se enquadra em algumas exig√™ncias, como valor investido em aplica√ß√Ķes financeiras ou conhecimento por meio de certifica√ß√Ķes e qualifica√ß√Ķes sobre o mercado financeiro.

Essa classe n√£o √© a √ļnica, pois, a autarquia federal tamb√©m designou mais perfis de investidores qualificados, como o investidor profissional e o investidor p√ļblico.

Investir é uma ótima forma de proteger e multiplicar o dinheiro. No entanto, é importante entender como os investimentos funcionam, antes de começar qualquer aplicação.

Atualmente, existem diversos tipos de investimentos, como na Bolsa de Valores, em fundos imobili√°rios, em t√≠tulos do Tesouro Nacional, a√ß√Ķes, etc. Cada um deles possui vantagens e riscos diferentes, por isso, √© fundamental saber analisar qual √© o melhor para cada objetivo.

Aprenda aqui o que √© um investidor qualificado, como se tornar um, as qualifica√ß√Ķes, riscos e muito mais. Boa leitura!

O que é um investidor qualificado?

Segundo a Comiss√£o de Valores Mobili√°rios, o investidor qualificado √© aquele (pessoa f√≠sica ou jur√≠dica) que possui mais de R$ 1 milh√£o em investimentos, ou que tenham sido aprovados em exames de qualifica√ß√Ķes t√©cnicas, ou que possua alguma certifica√ß√£o aprovada pela CVM.

Logo, o investidor qualificado √© experiente, com conhecimento suficiente para tomar decis√Ķes em rela√ß√£o √†s aplica√ß√Ķes no mercado financeiro.

< Entenda essas especifica√ß√Ķes com mais detalhes, lendo o artigo 9-B da Instru√ß√£o CVM n.¬ļ 554 (clique aqui). />

Como se tornar um investidor qualificado?

Há três formas: ter o dinheiro indicado pela legislação em aportes, por meio de cursos que resultaram em alguma certificação da CVM, ou por meio de clubes de investimentos.

No primeiro caso, voc√™ deve comprovar o patrim√īnio em investimento igual ou maior que R$ 1 milh√£o para a CVM por escrito.

Já na segunda, pode realizar cursos/treinamentos e obter a qualificação para atuar na categoria. Posteriormente, você poderá solicitar a adesão para a classe de investidor qualificado junto ao seu banco ou corretora.

Há também outra forma de se tornar um investidor qualificado, que é por meio de clubes de investimentos, que tenham a carteira com a gestão por um ou mais cotistas que sejam investidores qualificados.

Entenda mais sobre o Termo de Investidor Qualificado

O documento atesta quando um investidor qualificado possui todo o conhecimento e experiência exigida para obtenção do título. O procedimento é bem simples e pode ser realizado online.

Veja um exemplo do termo abaixo:

DECLARAÇÃO DA CONDIÇÃO DE INVESTIDOR QUALIFICADO

Ao assinar este termo, afirmo minha condi√ß√£o de investidor qualificado e declaro possuir conhecimento sobre o mercado financeiro suficiente para que n√£o me sejam aplic√°veis um conjunto de prote√ß√Ķes legais e regulamentares conferidas aos investidores que n√£o sejam qualificados.

Como investidor qualificado, atesto ser capaz de entender e ponderar os riscos financeiros relacionados à aplicação de meus recursos em valores mobiliários que só podem ser adquiridos por investidores qualificados.

Declaro, sob as penas da lei, que possuo investimentos financeiros em valor superior a R$ 1.000.000,00 (um milh√£o de reais).

Data e local:           do dia        /            /              

Nome:

CPF/CNPJ:

_______________________________________________________________________

Assinatura

Copie e cole o conte√ļdo acima em um programa de edi√ß√£o de texto e fa√ßa os ajustes necess√°rios para envio.

Principais exames técnicos de qualificação para investidores

Os interessados na √°rea podem realizar provas e tirar as certifica√ß√Ķes abaixo para se profissionalizar.

  • Certifica√ß√£o¬†de Gestores ANBIMA ‚ÄĒ CGA;
  • Certifica√ß√£o¬†de Especialista em Investimentos ‚ÄĒ ANBIMA;
  • Certifica√ß√£o para Agente Aut√īnomo ‚ÄĒ Ancord;
  • Analista de Valores Mobili√°rios ‚ÄĒ CNPI;
  • Chartered Financial Analyst ‚ÄĒ CFA III;
  • Certified Financial Planner ‚ÄĒ CFP e outros.

Tamb√©m √© poss√≠vel se qualificar por meio dos exames: PQO, CPA10, CPA20, CAIA, FRM, CQF, CFG, CGE, ABECIP (CA 600, CA 400 e CA 300), CTP e FPA. Essas √ļltimas aprovadas pelo Of√≠cio CVM 2/2022/CVM/SMI, do dia 10/01/2022.

Saiba que as certifica√ß√Ķes s√£o importantes para a √°rea financeira porque elas demonstram que o profissional tem os conhecimentos necess√°rios para exercer a fun√ß√£o e ter acesso a mais ativos. Al√©m disso, as qualifica√ß√Ķes ajudar√£o os profissionais a se manterem atualizados sobre as √ļltimas tend√™ncias dos mercados.

Qual a diferença de um investidor profissional X investidor qualificado?

A CVM criou as categorias de investidores como forma de prote√ß√£o para determinados p√ļblicos. Isso porque, h√° riscos desproporcionais que algumas pessoas podem correr em rela√ß√£o √†s capacidades financeiras, ou seja, pode n√£o ter o dinheiro suficiente para cobrir despesas.

O investidor profissional √© aquele que tem mais de R$ 10 milh√Ķes investidos no mercado financeiro. Diferentemente, o investidor qualificado deve ter valor igual ou superior a R$ 1 milh√£o.

Al√©m disso, h√° a figura do investidor p√ļblico que √© o usu√°rio que n√£o comprova investimento maior que R$ 1 milh√£o e n√£o tem as forma√ß√Ķes t√©cnicas cobradas pelo √≥rg√£o regulador.

Diferenças entre investidor profissional versus investidor qualificado.

Quais os investimentos que apenas investidores qualificados podem fazer?

Os investidores qualificados são privilegiados, isso porque, terão a disposição mais opção de ativos para investimentos, com retornos maiores, mas com riscos ponderados.

Alguns dos investimentos exclusivos para tal categoria s√£o: Fundos Multimercados, Fundos com investimentos no exterior, FIDCs, Fundos de Investimentos Imobili√°rios, Venture Capital, alguns fundos de ‚Äúprivate equity‚ÄĚ e ofertas diferenciadas de renda fixa.

Existem riscos para o investidor qualificado?

Claro! Por ter um acesso aos ativos financeiros restritos e com mais rentabilidade, h√° sempre o risco envolvido. Ademais, os riscos s√£o mais complexos e o investidor qualificado precisa antes de aportar, fazer uma an√°lise completa sobre o produto.

Seja cuidadoso(a) e consciente em relação aos investimentos. Confira algumas dicas da Clara Sodré, Especialista em Investimentos, sobre isso.

E quais as vantagens de ser um investidor qualificado?

  • Ter acesso aos produtos financeiros mais rent√°veis e exclusivos;
  • Maior diversifica√ß√£o da carteira;
  • Possibilidade de ingressar em diferentes mercados mundiais;
  • Rendimentos acima da m√©dia;
  • Ofertas em renda fixa (CRIs, CRAs e deb√™ntures);
  • Taxas de administra√ß√£o menores cobradas pelas corretoras ou bancos;
  • Possibilidade de grandes aportes.

Ao entender como os investimentos, riscos envolvidos e proje√ß√Ķes, voc√™ poder√° fazer escolhas assertivas, e obter melhores resultados. Isso ir√° te ajudar alcan√ßar seus objetivos financeiros com mais agilidade e seguran√ßa.

Quer dominar o mercado financeiro? Fa√ßa o MBA em Investimentos e Private Banking e seja requisitado no mercado de trabalho!

São assuntos focados no que você realmente precisa aprender e desenvolver! Você poderá estudar onde e quando quiser!

Conhe√ßa tamb√©m a assinatura Multi Mais e tenha acesso imediato aos cursos e bootcamps oferecidos pela XP Educa√ß√£o!

spot_img

Continue Aprendendo

spot_img