Fundos de Investimento

Muitas pessoas buscam alternativas de investimentos que possam levar à carteira uma diversificação dos seus recursos. E uma das possibilidades encontradas vêm por meio dos fundos de investimento.

O interesse por esse tipo de aplicação tem ganhado cada vez mais destaque entre os investidores, já que há tanto opções mais seguras quanto mais agressivas em termos de rentabilidade. 

Se você quer entender mais sobre fundos de investimentos, te convidamos a continuar essa leitura e assim aprender: o que são fundos de investimentos, como eles funcionam, quais as suas variações, dentre outras informações. Aproveite a leitura! 

Leia Mais

O que são fundos de investimento?

Os fundos de investimento são um tipo de aplicação em que vários investidores, juntos, fazem aportes de recursos pensando em um único objetivo. 

Esses valores são administrados por especialistas — geralmente empresas do ramo financeiro — visando sempre o lucro para os investidores que aplicaram o dinheiro por lá. 

Todo o lucro desse fundo é distribuído entre os cotistas. Apesar disso, as decisões sobre o que fazer com o dinheiro são tomadas somente pelos administradores. 

Mas há um detalhe importante nisso: todas essas decisões precisam seguir normas e políticas que são validadas previamente pelos investidores que participaram da construção do fundo. 

Como funcionam os fundos de investimento?

Cada fundo possui regras próprias, bem como custos, limites, públicos e diversos outros pontos que são definidos previamente. 

Para te ajudar a entender de forma prática, podemos dizer que os fundos funcionam como se fossem um condomínio residencial. Ou seja, há sempre alguém responsável por administrar o espaço com o valor mensal que você repassa para o condomínio. A diferença, entretanto, é que no caso dos fundos de investimento você está visando o lucro no final do mês.

Há casos, por exemplo, onde o investidor pode receber uma parcela de dividendos conforme a quantidade de cotas que possui. Isso é mais comum no caso de Fundos de Investimento Imobiliários, conhecidos como FIIs.

Vale ressaltar, que existem vários tipos de fundo de investimento. Cada um deve ser analisado e escolhido com base na sua estratégia. Confira mais detalhes no tópico a seguir. 

Tipos de fundos de investimentos

No mercado brasileiro, existem cerca de 25 mil tipos de fundos de investimento disponíveis. Cada um deles possui a sua particularidade e objetivos. A seguir, listamos alguns dos principais, além das suas finalidades. 

  • Fundo de Ações

Um dos tipos mais comuns. Nessa modalidade os gestores precisam investir pelo menos 67% do patrimônio em ações negociadas na Bolsa de Valores. O maior risco desse tipo de investimento é a sua alta volatilidade, visto que as aplicações estão ligadas diretamente com o mercado de renda variável. 

  • Fundo de Renda Fixa

Nessa categoria, os gestores devem aplicar ao menos 80% dos recursos em opções de renda fixa. Aqui, falamos de CDB, Tesouro Direto, títulos atrelados ao IPCA, debêntures, entre outros. Uma das principais vantagens dessa modalidade é que nesse tipo de investimento não há tributação de imposto de renda. 

  • Fundo Cambial e de Ouro 

Como o próprio nome diz, esse tipo de investimento está atrelado à compra e venda de moedas estrangeiras. O investimento precisa ser igual ou maior que 80% do patrimônio. Os fundos atrelados ao dólar são os mais comuns no mercado. Com relação ao risco, assim como no fundo de ações, o principal fator é a volatilidade. 

  • Fundo Multimercado

Nesse tipo de fundo, não há um mercado específico onde o gestor deve fazer a aplicação. A ideia aqui é que ele explore várias modalidades de investimento para diversificar os ativos, fazendo com que os riscos sejam equalizados.

  • Fundo Imobiliário

Esse tipo de fundo é um dos que mais atraem os investidores, e é considerado um dos queridinhos do mercado.. Isso porque eles estão diretamente ligados com a compra, venda e locação dos mais diversos tipos de imóveis. A sua principal vantagem fica por conta da distribuição mensal de rendimentos. E o melhor: isento de imposto de renda. 

Como se estrutura um fundo de investimento?

Fazer a estruturação de um fundo de investimento envolve uma série de instituições, principalmente financeiras. Entretanto, existem dois principais responsáveis dentro de todo o processo. 

O primeiro deles —  o mais importante — é o responsável em gerir o fundo. Essa pessoa ou empresa cuidará de todo processo de tomada de decisões e pela escolha dos ativos. Conforme explicado antes, tudo deverá estar de acordo com o regulamento do fundo. 

A segunda figura mais importante dentro dessa estrutura é o administrador. Ele é responsável tanto pela criação quanto pela manutenção e funcionamento do fundo. Cabe a ele fazer o regulamento, aprovar a política de investimento, definir objetivos, atender os cotistas, entre outras atividades. 

Geralmente, há uma instituição financeira envolvida nesse processo de estruturação de um fundo de investimentos.  

Fundos abertos x Fundos fechados

Basicamente, os fundos de investimentos são categorizados em dois tipos: abertos e fechados. 

No fundo aberto a entrada e a saída dos cotistas é permitida a qualquer momento. Além disso, novas aplicações e o resgate de dinheiro também podem ser feitos quando o investidor quiser. É o tipo mais comum. 

Já a categoria de fundos fechados funciona de maneira oposta. Existem períodos específicos definidos pela administração onde são permitidas entradas de novos cotistas. 

Vantagens e desvantagens de investir em fundos de investimentos

Uma das principais vantagens da aplicação em fundos de investimentos está no fato do investidor poder se juntar a outros para atingir seus objetivos. 

Além disso, os fundos de investimentos são uma excelente alternativa para quem está começando agora nesse universo e deseja investir em opções com alguma segurança.

Vale lembrar que o fundo sempre terá uma gestão profissional cuidando dos recursos, por isso é considerada uma opção mais segura. 

No entanto, ao ter um gestor cuidando integralmente do dinheiro, o investidor não tem liberdade para fazer trocas na carteira. Isso acaba se tornando a principal desvantagem dos fundos de investimento, visto que o gestor é o único responsável por fazer a escolha dos ativos.

Os fundos de investimento são uma ótima opção para quem deseja fazer aplicações mais seguras e diversificar a carteira. 

Mas lembre-se: antes de escolher as diversas opções disponíveis, considere qual é a exposição de risco que está disposto a sofrer e como isso pode influenciar a sua estratégia de investimentos, afinal uma carteira bem estruturada pode garantir bons retornos financeiros. 

Como começar a investir em fundos imobiliários? Tudo o que você precisa saber!

Se você acompanha a movimentação do mercado financeiro, deve ter notado que a temática “como começar a investir em fundos imobiliários” sofreu um boom nos últimos tempos, não é...

O que é private equity? Tudo o que você precisa saber

Se você buscasse "o que é private equity" na internet há alguns anos, considerando a opção como caminho...

ETF: o que é, como funciona e qual tipo de índice negociar

Saber o que é ETF pode ajudar você a escolher um investimento com bom potencial de retorno. Essa...

Como escolher um FII? 9 indicadores para você montar sua carteira de investimentos

Saber como escolher um FII pode ajudá-lo a fazer parte de um time expressivo de investidores. Segundo o...

O que são Fundos de índice? Como operar?

Entender o que são Fundos de Índice pode te ajudar a abrir a mente sobre possibilidades de investimentos...
spot_img

O que é private equity? Tudo o que você precisa saber

Se você buscasse "o que é private equity" na internet há alguns anos, considerando a opção como caminho para investir, possivelmente encerraria as buscas...

ETF: o que é, como funciona e qual tipo de índice negociar

Saber o que é ETF pode ajudar você a escolher um investimento com bom potencial de retorno. Essa é a proposta desse fundo de...

Como escolher um FII? 9 indicadores para você montar sua carteira de investimentos

Saber como escolher um FII pode ajudá-lo a fazer parte de um time expressivo de investidores. Segundo o Infomoney, 2022 começou com cerca de...

O que são Fundos de índice? Como operar?

Entender o que são Fundos de Índice pode te ajudar a abrir a mente sobre possibilidades de investimentos na bolsa de valores.  Isso porque os...

Veja como funciona a estratégia de Asset Allocation

O mundo dos investimentos possui uma série de estratégias que podem ajudar na rentabilidade das aplicações. Por isso mesmo, se você está começando agora...

Saiba tudo sobre fundos de ações: qual a rentabilidade? Quais são os tipos?

Fundos de ações são uma opção para o investidor que quer explorar novos ativos financeiros além da renda fixa para conquistar melhores rendimentos.   Essa alternativa...
spot_img