Como descobrir a taxa Selic? 4 dicas para usar a seu favor

Volta e meia, somos surpreendidos com as notícias de alta e de queda da taxa básica de juros. Se essa montanha russa também te deixa intrigado, esse post é para você! Hoje, falaremos sobre como descobrir a taxa Selic e, principalmente, como usá-la a seu favor.

Por ser a nossa taxa básica de juros, ela impacta no retorno das aplicações e na tomada de crédito. Mas, aqui, abordaremos as questões específicas dos investimentos, incluindo a performance de diferentes ativos financeiros que são influenciados por este indexador.

Logo, além de saber como descobrir a taxa Selic, você também poderá obter insights para aplicar bem o seu dinheiro. Por exemplo, indicamos essa live da XP Investimentos, que aborda as oportunidades de renda fixa no aumento da Selic.

Por que é importante saber como descobrir a taxa Selic?

À primeira vista, o questionamento “como descobrir a taxa Selic” parece bem simples, não é mesmo? Por outro lado, essa descoberta faz toda a diferença na hora de compor a sua carteira de investimentos.

Por um momento, imagine que você está selecionando ativos financeiros para diversificar o portfólio. Nessa perspectiva, quais títulos trarão retornos equilibrados, em cenários de alta ou baixa da Selic? Pense nisso na hora de decidir, ok? 

A propósito, acompanhe um gráfico do Banco Central (BC) com as expressivas variações da Selic nos últimos anos. Depois disso, ficará mais fácil perceber que a dica “não colocar todos os ovos na mesma cesta” nunca sai de moda.

Como descobrir a taxa Selic - meta

Fonte: BC

O que é a taxa Selic?

Não é novidade que a Selic é a taxa básica de juros da economia brasileira. Em linhas gerais, ela é usada pela autoridade monetária – o Banco Central – para controlar a inflação. Dessa maneira, pode-se manter a estabilidade dos preços para que o dinheiro continue circulando.  

Como a taxa Selic é definida?

A cada 45 dias, acontece uma nova reunião do Comitê de Política Monetária (Copom) do BC. Seus dirigentes levam em conta uma série de questões para decidir se a Selic aumenta, diminui ou permanece no mesmo patamar, inclusive:

  • expectativas ligadas à inflação;
  • atividade econômica do país;
  • riscos da política monetária;
  • influência do cenário externo;
  • situação das contas públicas;
  • indicadores macroeconômicos

Como a taxa Selic afeta os investimentos?

De fato, saber como descobrir a taxa Selic te ajuda a escolher ativos que fazem os juros trabalharem para você. Nessa linha, vale conferir os investimentos que têm a remuneração impactada pela taxa básica de juros, como: CDB, LC, Tesouro Direto, LCI e LCA.

Como descobrir a taxa Selic - investimentos

Mas os ativos de renda fixa não são os únicos afetados pela Selic, sabia disso? No mercado de capitais, as ações valorizam e desvalorizam de acordo com vários fatores. Portanto, os altos e baixos da taxa básica de juros também impactam a renda variável, mesmo que indiretamente.

Para exemplificar, a matéria do Estadão cita os Fundos de Investimentos Imobiliários (FIIs). Embora os títulos sejam afetados pelo aumento dos juros, os FIIs de papel “podem figurar no lado positivo”:

“É possível reduzir os riscos separando os tipos de ativos, como, por exemplo, com as Letras de Crédito Imobiliário (LCI) e Certificados de Recebíveis Imobiliários (CRI).”

Por isso, quem ainda não sabe como descobrir a taxa Selic poderá ter alguma dificuldade na tomada de decisão. Sendo assim, continue conosco para obter mais informações, a fim de traçar uma estratégia assertiva para alocar seus recursos. 

E mais: não deixe de ler nosso post que fala dos investimentos que protegem da inflação, ok?

4 dicas de como descobrir a taxa Selic (e usar a seu favor)

A seguir, listamos quatro alternativas para que você possa escolher como descobrir a taxa Selic. Confira!

1. Veja o histórico da Selic no Banco Central 

Logo após as reuniões do Copom, a Selic fica disponível no site do Banco Central. E, depois do período de vigência de cada meta, o histórico traz os resultados da Selic Over. Ou seja, essa é a taxa que realmente foi aplicada pelo mercado financeiro, o que é um pouco diferente da meta estabelecida pelo BC. 

Como descobrir a taxa Selic - BC

Aliás, essa tabela demonstra como a Selic mudou tanto nos últimos tempos. No final de 2020, a meta estava em 2% ao ano, enquanto a Selic Over ficou em 1,90% a.a. E isso nos leva ao próximo item: o acompanhamento do mercado. 

2. Acesse os indicadores do Boletim Focus

Por meio do Boletim Focus, você ficará inteirado dos principais indicadores da macroeconomia. Toda segunda-feira, esse relatório de mercado é disponibilizado no site do BC, com projeções de IPCA, PIB, Câmbio, Selic, IGP-M e afins.

Como descobrir a taxa Selic - Focus

3. Acompanhe os reviews dos especialistas

Na era da informação, existem muitas fontes de informação que te ajudam a tomar decisões assertivas. Para isso, o ideal é buscar as fontes que tenham credibilidade no assunto, além de trazer conteúdos que façam sentido para a sua estratégia.

E aqui vão alguns exemplos:

  • projeções financeiras divulgadas pela corretora XP Investimentos;
  • matérias com entrevistas e análises financeiras do portal InfoMoney;
  • podcast Stock Pickers com traders que atuam no mercado de capitais;
  • webséries e transmissões ao vivo no canal do YouTube da corretora Rico.

4. DIY: faça você mesmo o cálculo da Selic

Nesse ponto, você definitivamente não precisa fazer as contas na ponta do lápis para saber qual é a correção pela Selic. Com a Calculadora do Cidadão do BC, basta inserir as datas (de início e fim), assim como o valor a ser corrigido. E pronto!

Como descobrir a taxa Selic - calculadora

Se preferir, faça o cálculo manual com base na Selic acumulada mês a mês, que fica disponível na Receita Federal. Mas, provavelmente, a Calculadora do Cidadão já vai facilitar tudo para você. 

E, por falar em facilitar sua vida, que tal fazer a trilha Xpeed para traçar sua jornada de aprendizado ideal? Depois de saber como descobrir a taxa Selic, o céu é o limite para as suas próximas conquistas no universo dos investimentos. 

Por exemplo, você já se imaginou investindo com segurança na Bolsa de Valores? Se esse é seu objetivo, nós temos o curso que te ajuda nessa missão rumo à liberdade financeira! Vamos começar? 

Imagem da campanha de um curso online sobre "Começar a Investir na Bolsa de Valores" da Xpeed School.

banner graduação da xp educação

Continue Aprendendo

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui